Família Carulla assume participação majoritária na startup de alimentos para cães Dogfy

A Comissão Nacional de Mercados e Concorrência (CNMC) aprovou a transação, embora os termos financeiros não tenham sido divulgados.
Família Carulla Assume Participação Majoritária Na Startup De Alimentos Para Cães Dogfy
Carulla Family Takes Majority Stake In Dog Food Startup Dogfy

Até o final de 2022, o grupo alimentício, proprietário da Agrolimen e da GB Foods (Gallina Blanca), detinha quase 19% das ações da empresa, que registrou uma receita de 30 milhões de euros em 2023.

A aquisição da Delicium Petfood, sob a qual a Dogfy opera, foi autorizada pela CNMC em 31 de janeiro em sua primeira fase, considerando a participação de mercado do comprador. Não foi especificado se a aquisição foi de 100% ou apenas da maioria das ações.

A Inveramen, holding da família Carulla, já era acionista após várias rodadas de financiamento nos últimos anos e se tornou o parceiro industrial com o qual a empresa contava. Especificamente, até o final de 2022, ela detinha 18,9% das ações, com os fundadores detendo a maioria. No ano anterior, a empresa realizou um novo aumento de capital de 5 milhões de euros.

Em 2022, a empresa espanhola relatou um faturamento de 9 milhões de euros, com perdas de 1,9 milhão, embora tenha declarado em novembro que o total de vendas foi de 11 milhões. Esses números não são consolidados, o que sugere que o restante pode ser atribuído a subsidiárias estrangeiras. O modelo de negócios da Dogfy gira em torno de um serviço de assinatura de alimentos frescos para cães. De acordo com os dados mais recentes da empresa, 2023 terminou com um faturamento global de 30 milhões de euros.

A empresa espanhola de capital de risco Axon Partners entrou na empresa em 2022 por meio de uma aquisição secundária de ações, investindo 3 milhões de euros por uma participação de 7,9%, tornando-se o segundo acionista financeiro depois da família Carulla.

A família catalã, proprietária da Agrolimen (Affinity Petcare, sua divisão de ração animal) e da GB Foods (Gallina Blanca, Avecrem ou Yatekomo), tem um histórico de investimentos em startups e empresas de tecnologia. Em 2020, lançou a Agrolimen Ventures para apoiar empresas. E em 2018, se desfez da Promofarma, vendendo-a por mais de 40 milhões de euros para o grupo farmacêutico suíço Zur Rose.

Scaling a startup or scouting for your next deal?
We help you get there faster.