A família Matte do Chile expande sua presença no setor financeiro com a aquisição do Grupo Security

Seu braço financeiro, o Bicecorp, anunciou um plano de fusão com o Grupo Security, sediado em Santiago, visando a uma presença significativa no setor bancário.
A Família Matte Do Chile Expande Sua Presença No Setor Financeiro Com A Aquisição Do Grupo Security
Chile Matte Clan Seeks Expansion Through Bank Merger

A estratégia de aquisição envolve uma oferta em dinheiro e ações pela Forestal O’Higgins, uma holding da Matte, para adquirir até 20% do Grupo Security a 285 pesos por ação. As ações restantes serão adquiridas pela Bicecorp por meio de uma troca de ações. A meta é garantir pelo menos 62% das ações do Grupo Security.

Esse movimento já impactou o desempenho de mercado do Grupo Security, com as ações subindo 7,1% para 280 pesos em Santiago, marcando o maior aumento intradiário desde setembro de 2022. A aquisição avalia o Grupo Security em cerca de US$ 1,25 bilhão e a Bicecorp em US$ 1,88 bilhão.

Os analistas Daniel Mora e Michael Martinez, da Credicorp, sugerem que os acionistas da Security devem aceitar as novas ações da Bicecorp, destacando os benefícios potenciais de um negócio maior e sinérgico. Com um total de US$ 37,4 bilhões em ativos combinados, a entidade resultante da fusão ficaria em sétimo lugar entre os maiores bancos do Chile.

A família Matte, que inclui as filiais Larrain Matte, Matte Capdevila e Matte Izquierdo, já controla participações significativas em empresas como a produtora de celulose Empresas CMPC SA, a produtora de energia Colbun SA e a gigante das telecomunicações Empresa Nacional de Telecomunicaciones SA. Essa expansão para o setor bancário indica sua ambição de diversificar e consolidar sua influência no cenário econômico do Chile.

Scaling a startup or scouting for your next deal?
We help you get there faster.